A verdade feia sobre o óleo vegetal e como você pode evitá-lo

A verdade feia sobre o óleo vegetal e como você pode evitá-lo

O óleo é saudável ou não?

Se você é como a maioria das pessoas, sua resposta será prejudicial.

Associamos o óleo à gordura e tememos que isso nos faça ganhar peso. Pensamos que muito óleo pode causar todos os tipos de doenças prejudiciais.

Isso é verdade, mas não nos dá a história completa.

A maioria das opiniões negativas que temos sobre o óleo é baseada em óleos vegetais altamente processados, que são frequentemente usados ​​em fast food, restaurantes e alimentos de conveniência.

Embora esses óleos vegetais possam ser ruins para você, eles não são as únicas opções.

Continue lendo para descobrir exatamente o que há de errado com o óleo vegetal e o que você deve usar.

Espere … o que há de errado com óleo vegetal?

Existem vários tipos diferentes de óleo vegetal, que incluem:

  • Milho
  • Girassol
  • Canola
  • Soja

Ao contrário dos óleos mais naturais, que podem ser obtidos pressionando, os óleos vegetais são obtidos através de um processo químico complexo.

Esse processo envolve o aquecimento de sementes a altas temperaturas, o processamento com um solvente de óleo, a adição de ácido e o uso de produtos químicos desodorizantes.

Não parece tão atraente, não é?

Foi demonstrado que o cozimento com óleos vegetais pode liberar substâncias químicas tóxicas que estão ligadas ao câncer, doenças cardíacas e demência.

Muitos óleos vegetais contêm grandes quantidades de gorduras trans, que estão ligadas à obesidade e a várias doenças, incluindo doenças cardiovasculares. Eles também podem aumentar o risco de doenças como asma e eczema.

Isso está tirando você do óleo?

Não se desespere.

Listamos muitas alternativas saudáveis ​​e deliciosas ao óleo vegetal abaixo.

Como sei qual óleo saudável devo usar?

Se você está procurando uma gordura saudável para substituir o óleo vegetal, está no lugar certo.

Os óleos abaixo de cada um têm benefícios diferentes e podem ser usados ​​para cozinhar, fritar, assar, molhos para salada e muito mais.

Leia para obter detalhes completos sobre cada gordura saudável.

1. Azeite

Azeite

O azeite é prensado a partir de azeitonas inteiras e está disponível em algumas variedades diferentes.

Azeite extra virgem: tem um sabor frutado, tem baixo teor de ácido e é ideal para regar em saladas.

Azeite virgem: tem um sabor agradável e é relativamente baixo em ácido. Pode ser usado para cozinhar ou em saladas.

Azeite: Uma mistura de azeite refinado e virgem. Menos saboroso que as outras opções, adequado para todos os fins.

O azeite tem muitos benefícios para a saúde, como:

  • Ajuda a proteger contra doenças cardíacas
  • Ajuda a prevenir derrames
  • Propriedades anti-inflamatórias
  • Propriedades antibacterianas

Para maiores benefícios à saúde, escolha azeite virgem extra.

2. Óleo de coco

Óleo-de-coco

O óleo de coco está se tornando realmente popular, e é fácil entender o porquê. Ele contém gorduras saudáveis ​​chamadas ácidos graxos de cadeia média, que são:

  • Fácil de digerir
  • Convertido em energia, em vez de armazenado como gordura
  • Antifúngico e antimicrobiano

Há evidências que sugerem que o óleo de coco pode ajudar a manter o fígado saudável, reduzir o risco de doenças cardíacas e estimular o sistema imunológico.

3. Óleo de abacate

Óleo-de-abacate

O óleo de abacate não está apenas na moda – ele também traz alguns benefícios de saúde realmente únicos.

Esses incluem:

  • É rico em vitamina E
  • Ajuda seu corpo a absorver nutrientes
  • Reduz a inflamação
  • Abaixa a pressão sanguínea

O óleo de abacate tem um sabor único e é ideal para criar saladas saborosas.

4. Óleo de gergelim

Óleo-de-gergelim

O óleo de gergelim é uma alternativa saudável aos óleos vegetais comuns e é comumente usado na culinária chinesa e japonesa.

Os benefícios do óleo de gergelim incluem:

  • Pele e cabelos saudáveis
  • Mantem o coração saudável
  • Melhora a circulação e o metabolismo
  • Ajuda o crescimento ósseo

5. Óleo de linhaça

Óleo-de-linhaça

O óleo de linhaça é bastante especial, pois é carregado com ácidos graxos ômega-3. Como esses ácidos são geralmente encontrados em peixes, é uma ótima opção se você é vegetariano ou vegano.

O óleo de linhaça também pode:

  • Ajudar a perda de peso
  • Reduzir problemas digestivos
  • Aumentar a produção de colágeno
  • Reduzir o eczema

Embora os óleos saudáveis ​​possam ser bons para você em pequenas quantidades, ainda é importante observar sua ingestão. 

Muito de qualquer tipo de óleo pode ser ruim para o corpo, por isso não se esqueça das quantidades diárias recomendadas.

Você não precisa desistir do óleo para ser saudável – basta escolher sabiamente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *